• Comunicação Rech

Como proceder quando ocorre a morte de um aposentado ?


Você sabia que sacar indevidamente a aposentadoria de alguém que já faleceu, pode ser considerado um crime de estelionato?


Quando uma pessoa que recebe aposentadoria pelo INSS falece, mesmo que exista um dependente previdenciário que possa continuar recebendo o benefício, é necessário notificar os órgãos responsáveis e fazer o requerimento de pensão.

O próprio cartório responsável pela certidão de óbito comunica o falecimento ao INSS, por isso, cabe aos familiares fazerem somente o requerimento da pensão, que pode ser feita de algumas maneiras: através do site ou aplicativo do Meu INSS, indo até uma agência do INSS ou através do número 135 do INSS.


São necessários alguns documentos como: • Certidão de óbito • Extrato da aposentadoria do cônjuge • Declaração com informações sobre benefícios que o requerente da pensão por morte possa receber do INSS, como outra aposentadoria ou pensão por morte • Certidão de nascimento de filhos menos de 18 anos


O recebimento da pensão dependerá do tempo que o casal ficou junto, a idade, entre outros fatores. O benefício pode durar de 4 meses até a vida toda.

Sabemos que muitas vezes o orçamento fica apertado quando um ente falecido parte, mas nunca movimente o valor da conta de aposentadoria sem antes ter o requerimento de pensão aceito.